10 de set2009

Amarc Brasil realizou a VIII Assembléia Nacional

por arthurwilliam

(10/09/2009). -Nos dias 4, 5 e 6 de setembro foi realizada em João Pessoa (PB), a VIII Assembléia da Associação Mundial de Rádios Comunitárias no Brasil (Amarc-Brasil). O encontro foi um momento de reflexão sobre os objetivos da entidade e de definição dos novos passos para os próximos anos.

A assembléia também foi espaço de discussão sobre a forma de funcionamento da Amarc-Brasil e a eleição da nova representação. Neste sentido, tivemos grandes novidades. A plenária optou por formar um conselho de cinco pessoas/entidades, sendo um deles nomeado também representante nacional e outra para a rede de mulheres. A idéia é que cada conselheiro possa colaborar com a mobilização na região em que reside (Norte, Nordeste, Sul, Sudeste, Centro-oeste). Esse formato do conselho, na opinião da assembléia, será capaz de descentralizar decisões mantendo a horizontalidade a rede da Amarc Brasil. O conselho terá caráter consultivo e deliberativo e, apesar da existência da representação nacional, as decisões serão tomadas de forma conjunta por todos os conselheiros.

Saiba quem são os conselheiros e tenha seus contatos:

Antônio Lopes-sócio individual-Centro-Oeste
(antoniodlopes@gmail.com )

Antônio Marques-Rádio Alternativa-Norte
(comunicadortonymarques@gmail.com )

João Paulo Malerba-Criar Brasil-Sudeste e representante nacional
(joao@criarbrasil.org.br )

Micheline Américo-sócia individual-Nordeste
(micheline.americo@hotmail.com )

Rosmari Castilhos-sócia individual-Sul e Rede de Mulheres
(rose_castilhos@yahoo.com.br )

Entre os conselheiros, Rosemari Castilhos foi eleita representante e animadora da Rede de Mulheres da Amarc, com o objetivo de fortalecer a discussão de gênero e o protagonismo das mulheres na comunicação.

A dinâmica da plenária valorizou a reflexão sobre o que a Amarc-Brasil deve ser e fazer para fortalecer as rádios comunitárias e a democratização da comunicação no Brasil. Os/as associados/as afirmaram a necessidade de fortalecimento político-cultural das rádios comunitárias, além da consolidação da Amarc-Brasil como movimento político. Foi destacada a necessidade de integrar as linhas de ação já existentes na instituição, especialmente a Equipe de Formação e a Agência Informativa Pulsar-Brasil. Foram elencadas ainda diversas ações para melhorar a comunicação institucional e fortalecer a articulação entre as associadas. Destacamos o lançamento em breve de um novo site e a criação de boletim digital. Tudo isso deve fortalecer a rede de rádios e contribuir para uma comunicação mais livre e democrática no país.

Foi muito importante para a Assembléia a participação da Presidenta da AMARC ALC, Maria Pía Matta, e do Representante da AMARC México, Carlos Aparicio. Suas contribuições ajudaram sobretudo na articulação da realidade brasileira com a do movimento em nível latino-americano.

Posteriormente à realização da Assembléia o conselho contratou Lívia Duarte, membro da Agência Pulsar, como nova secretária executiva da Amarc. O novo escritório da Amarc funcionará dentro do Criar Brasil – Centro de Imprensa Assessoria e Rádio.

 

Páginas:«1...1516171819202122