Comissões da Verdade reúnem-se pela primeira vez nesta semana

Publicado em 23/04/2013 - 12h30 | Atualizado em 23/04/2013 - 12h48

Comissão Nacional da Verdade é criticada por não ter caráter punitivo. (charge: Latuff)

A integração dos trabalhos investigativos será um dos temas do primeiro encontro nacional das Comissões e Comitês da Verdade, que será realizado nesta semana, no Instituto Cajamar, na região metropolitana de São Paulo.

Deverão participar representantes da Comissão Nacional da Verdade, criada pela presidenta Dilma Rousseff, das comissões que atuam no âmbito dos poderes executivo e legislativo, em nível nacional, estadual e municipal, além daquelas que criadas e geridas pela sociedade civil.

Estarão também presentes os representantes de comissões criadas de forma corporativa em vários segmentos profissionais e religiosos. A Comissão Nacional da Verdade tem recebido críticas por parte de entidades em defesa dos direitos humanos e de parentes de vitimas da ditadura por não divulgar suficientemente o andamento dos seus trabalhos.

Apesar de reconhecerem que os limites de qualquer investigação, as entidades reclamam que a Comissão Nacional da Verdade não estaria sendo fiel ao critério básico da informação ampla, geral e irrestrita, essencial em uma democracia participativa. Outra crítica se deve ao caráter não punitivo da Comissão já que a maior parte do período apurado se deve a Ditadura Militar que perdurou no país de 1964 a 1985.

Já a comissão das igrejas caminha de forma lenta e progressiva, Tem recebido de bispos, pastores, padres e leigos, de todo o país, informações que abrem caminho para um amplo dossiê sobre a colaboração de membros das igrejas com a repressão. (pulsar/cartamaior)

Be Sociable, Share!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*